<$BlogRSDURL$>
Avenida dos Aliados
sábado, junho 05, 2004
  Sempre atrasado...

Até o Porto marginal tem este encanto.
É aqui que percebo que a verdade não existe. O belo e o horrendo passeiam de mãos dadas numa Avenida das Tílias, algures entre a "Unten den Linden" de Berlin e a do nosso Palácio de Cristal.
A objectividade partiu no comboio que acabou de apitar, cuja velocidade extrema superou a rapidez do meu flash.
Tão delirantemente ilusório como a bola de ténis do Blow Up, o Porto é mais sincero visto do lado de cá da ponte. E, ainda assim, tão distante. JRP
 

sexta-feira, junho 04, 2004
  Eis o postigo cerrado

A luz é muito ténue, acentua as distâncias e indefine os contornos exactos dos limites.
Do outro lado, sobre o Douro, adivinham-se as antigas embarcações que eram postas de quarentena e meditavam sobre as margens, antes de lhes desgradearem a entrada para a cidade. MBP
 

quinta-feira, junho 03, 2004
  N
de Norte, outra vez.



O tema explorado nos últimos dois posts (aqui e aqui) cruza-se com outra matéria também calcorreada amiúde no Avenida dos Aliados: as Aventuras de Tintin.
Desta vez não vou explorar as questões psicanalíticas de Hergé, nem os contornos de intriga política internacional, apenas a sensação de Norte exprimida através do traço de Georges Remi que, à imagem da fotografia do post anterior, revela os mesmos sentimentos de distância, ausência e estoicismo que José Gomes Ferreira desvenda através das palavras do poema aqui transcrito.
A visita de Tintin à Escócia, no álbum A Ilha Negra, transforma-se no cenário perfeito para ilustrar esse sentimento arrastado pelo vento setentrional, através dos soturnos e rudes caminhos de uma pequena aldeia de pescadores, Kiltoch.
Não é só a intensa coloração azul, nem a heróica infinitude marítima, mas também um Castelo que só dispara tiros de ondas, o aroma a maresia que se sente, a pureza e brutalidade das rochas firmes ou a distinção de um iluminado farol coberto por lençóis de nuvens cinzentas carregadas de água e de ilusão. É sobretudo essa indescritível sensação de estarmos num lugar que nos pertence e ainda assim sempre longe de casa...
Gosto de acreditar que as palavras que Paul Morley utilizou para definir a genial banda de Manchester, New Order, servem também para me definir a mim: "(Ele vem) do Norte; do Norte de todo o lugar incluindo do próprio Norte". Pobre vaidade vã, tão ilusória como as nuvens carregadas de uma boreal cidade costeira. JRP
 

quarta-feira, junho 02, 2004
  Norte.



Porto de Leixões visto a partir da praia junto ao Castelo do Queijo, Maio 2003

Nas distantes e elevadas latitudes Norte, o mundo parece-me sempre assim.
Algures em Brest, Gdansk, Rostock ou Liverpool, o movimentado porto é lança apontada no mar e desenho afiado entre o céu e a água.
Há, para mim, um eterno mistério nestes lugares. Um sentimento demasiado próximo de uma chegada que não vai acontecer. Nesta altura, o vento do Norte crava um arrepio no corpo, adoçado pela sonoridade épica das ondas nas rochas.
Nestes finais de tarde, que demoram a cada volta do relógio, deixo-me ficar junto ao Atlântico e aguardo o primeiro clarão do farol. Como se cada uma das vezes que a sua luz me atravessa, em vez de auxiliar os navios esquecidos no mar, me encaminhasse a mim no caminho para casa.
E nunca me engana. E nunca se atrasa. JRP
 

terça-feira, junho 01, 2004
  Lembrar os nossos. (6)
Como centésimo post, 3000 e muitas entradas depois, em menos de dois meses de Avenida dos Aliados, aqui fica mais um poema evocativo da nossa cidade, retirado da obra de um portuense. Este vai sobretudo para o meu caro amigo aliado MBP, com quem mais do que ninguém tenho partilhado esta cyber viagem, que gentilmente me ofereceu, no dia de ontem, o livro de onde retirei o seguinte poema.

(Nota prévia do autor: "O mesmo cenário do Rio Douro, anos depois, quando parti para a Noruega num navio de carga")

"Nem todas as mãos no cais tinham corpo
algumas até já lá estavam há muito agarradas
ao silêncio que as gelou
- outras caídas no rio
afagavam o casco,
braços de pedras magoadas,
murmúrio de dedos,
lenços de maresia,
Cabedelo,
a Barra
com um Castelo que só dispara tiros de ondas

Mar aberto
com a terra cada vez mais distante e fluida
- enquanto o capitão norueguês
de alegria gorda
dançava com ferocidade de viquingue bêbado
o destino
de suspeitar
que me abria o destino
com o riso-navalha
do rumor das veias.

Em torno nas vagas
Ainda algumas mãos caídas no cais das águas,
invenções confusas,
seguravam o navio,
nadavam,
medusas,
tentavam retê-lo.

E uma delas
Estrangulava uma sereia
por denúncia de pesadelo
." - José Gomes Ferreira
(Mais info aqui) JRP
 

segunda-feira, maio 31, 2004
  É tanto
o orgulho em ser da Sé...



Vinte e nove anos depois, detive-me em frente ao Terço.
Num ápice, senti a minha vida acelerar, da Batalha para a Chã, rua abaixo sem parar. Passou por mim a voar, tropeçou no empedrado difícil de Cimo de Vila e desapareceu na curva de quem vai para São Bento.
Se ao menos tivesse parado por ali uma vez que fosse... JRP
 

domingo, maio 30, 2004
  Fonte de São Domingos.
Fotografia tirada ontem no Jardim dos SMAS
A pedido de alguns leitores do Avenida dos Aliados, aqui está uma fotografia do medalhão com as armas da cidade, referido no post anterior, que estava na Fonte do Largo de São Domingos.
A Fonte, de 1846, ocupava parte do espaço actualmente preenchido pela centenária Papelaria Araújo e Sobrinho e recebia água vinda dos mananciais de Paranhos e Salgueiros. Em 1922, a fonte foi desmontada e preservou-se este belo exemplar que a encimava.
A força desta obra é tal que vou sugerir aos restantes aliados que ela fique permanentemente no topo da nossa Avenida. Seguramente, a protecção da Senhora da Vandoma e a fidelidade do coração de D. Pedro IV serão boa companhia. JRP
 

Do Porto, pelo Porto, para o Mundo.
A Praça Nova está de volta!
Que trema o país...
Blog gerido por Jorge Ricardo Pinto (JRP) e Mário Bruno Pastor (MBP). Qualquer dúvida, insulto, comentário ou tentativa de extorsão, contactar: aliados.blog@portugalmail.pt

Arquivo
2004/04/11 - 2004/04/17 / 2004/04/18 - 2004/04/24 / 2004/04/25 - 2004/05/01 / 2004/05/02 - 2004/05/08 / 2004/05/09 - 2004/05/15 / 2004/05/16 - 2004/05/22 / 2004/05/23 - 2004/05/29 / 2004/05/30 - 2004/06/05 / 2004/06/06 - 2004/06/12 / 2004/06/13 - 2004/06/19 / 2004/06/20 - 2004/06/26 / 2004/06/27 - 2004/07/03 / 2004/07/04 - 2004/07/10 / 2004/07/11 - 2004/07/17 / 2004/07/18 - 2004/07/24 / 2004/07/25 - 2004/07/31 / 2004/08/01 - 2004/08/07 / 2004/08/08 - 2004/08/14 / 2004/08/15 - 2004/08/21 / 2004/08/22 - 2004/08/28 / 2004/08/29 - 2004/09/04 / 2004/09/05 - 2004/09/11 / 2004/09/12 - 2004/09/18 / 2004/09/19 - 2004/09/25 / 2004/09/26 - 2004/10/02 / 2004/10/03 - 2004/10/09 / 2004/10/10 - 2004/10/16 / 2004/10/17 - 2004/10/23 / 2004/10/24 - 2004/10/30 /

ADETURN
AEP
Agenda do Porto
ANE
ANJE
APOR
Área Metropolitana do Porto
Arquivo Distrital do Porto
Associação Comercial do Porto
Associação das Universidades da Região Norte
Associação do Porto de Leixões
Associação de Amigos dos Animais do Porto
Ateneu Comercial do Porto
Boavista Futebol Clube
Câmara Municipal do Porto
CCRN
Coliseu do Porto
Conservatório de Música do Porto
DREN
Eixo Atlântico
Exponor
Fantasporto
Federação Académica do Porto
Feira do Livro do Porto
FDZHP
Fundação Serralves
Futebol Clube do Porto
Governo Civil do Porto
Instituto Politécnico do Porto
Instituto dos Vinhos do Douro e do Porto
Instituto Orff do Porto
Jornal de Notícias
Jornal Digital do Norte
Jornal Voz Portucalense
Metro do Porto
ntv
O Comércio do Porto
O Jogo
O Norte Desportivo
O Primeiro de Janeiro
Palácio da Bolsa
Porto Convention Bureau
Porto de Partida
Porto Digital
Porto Tours
Porto Turismo
Porto XXI
Porto 2001 - Casa da Música
Rádio Nova
SMAS
Sport Club do Porto
Sport Comércio e Salgueiros
STCP
Teatro de Marionetas do Porto
Teatro Nacional São João
Tribunal da Relação do Porto
Universidade do Porto

Blogs
A Baixa do Porto
A bordo
Abrupto
A Chama do Dragão
Acuso! "1"
Adufe.pt
Alberto Velasquez
A Montanha Mágica
A Nicotina do Sonho
A Outra Margem
Avatares de um Desejo
Aviz
Azia do dia
Barnabé
Bateria da Vitória
BioTerra
Blasfémias
Blog de Esquerda (II)
Blogoexisto
Blogopédia
Bloguida
Cabo Raso
Carago... sim, Carago!
Causa Liberal
Cine-Teatro Avenida
Comboio Azul
cravo e canela
Critica do Norte
Cruzes Canhoto
Curva
Daedalus
desNorte
Dias com Árvores
Do Portugal Profundo
Educação Accionária
encapuzado extrovertido
Esperança Portista